Caixa de busca

Últimas matérias

Qual a diferença entre os leites infantis?

s 04:00

Qual a diferença entre os leites infantis?

Em primeiro lugar, é importante frisarmos bem que o aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de idade é de extrema importância. Mas em casos de impossibilidade da amamentação, o mais indicado é substituí-lo por fórmulas infantis, e não por leite de vaca que pode prejudicar o desenvolvimento infantil.

Vale ressaltar também que a fórmula infantil deve ser prescrita pelo pediatra ou por nutricionista, pois leva-se em consideração a idade e as necessidades alimentares da criança. Bem como restrições alimentares por conta de alergias e intolerâncias.

As fórmulas infantis são vendidas em forma de pó. Para preparar é importante seguir as intruções do fabricante, em relação à medida de pó para a quantidade (em ml) de água, além do peso do bebê. Se preparada diluída demais, a fórmula pode prejudicar o crescimento ou levar a deficiências nutricionais na criança. No caso de dose maior que a prescrita, pode haver desidratação e problemas renais. 

Alguns cuidados são importantíssimos no preparo da mamadeira:

  • Consuma a fórmula dentro do prazo de validade;
  • Prepare a fórmula exatamente como pediatra indicar;
  • Lave bem as mãos antes de colocar a fórmula;
  • Esterilize as mamadeiras antes de colocar a fórmula;
  • Jogue fora o leite que sobrar na mamadeira. Germes e bactérias da saliva do bebê conseguem sobreviver e se reproduzir no liquido;
  • Não refrigere a fórmula pronta, mesmo que não a tenha utilizado;
  • Não aqueça a mamadeira no microondas, porque a temperatura do líquido não será a mesma em todo o conteúdo e poderá queimar a boca do bebê. Se quiser amornar a água que foi fervida e ficou fria, aqueça-a em um recipiente separado e depois transfira para a mamadeira, de preferência de vidro, sempre checando antes a temperatura do dorso da sua mãe;
  • Não engrosse a fórmula com cereal, exceto sob recomendação do pediatra.
Vamos ver agora as principais diferenças entre as fórmulas infantis:

Fórmulas de Partida (Fase 1) - Indicando para crianças com até 6 meses. A quantidade de proteínas é maior que o do leite materno e as gorduras podem ser acrescidas de óleos vegetais a fim de facilitar a digestão. Estas formulações têm também um teor maior de micronutrientes em relação ao leite materno, como ferro e aminoácidos. 

Fase 2 - São fórmulas indicadas dos 6 aos 12 meses. Basicamente, a maior diferença é no aumento da quantidade de ferro, já que a quantidade de proteínas é semelhante aos leites da fase 1. 

Anti Refluxo (AR) - Esse leite é um pouco mais engrossado, criado, exclusivamente, para bebês que apresentam refluxo gastroesofágico. Ele é muito semelhante às fórmulas da fase 1 mas, o que diferencia é que possui amido de arroz ou milho pré gelatinizado que se espessa em contato com a secreção gástrica, diminuindo o refluxo. 

Fórmulas Hipoalergênicas (HA) - Fórmula infantil à base de proteína do soro do leite parcialmente hidrolisada, o que confere uma característica hipoalergênica ao leite, sendo recomendada para crianças com histórico familiar de alergia ao leite de vaca.

Fórmulas à base de soja - podem ser um substituto para crianças com mais de seis meses que são alérgicas a proteína do leite de vaca, com intolerância a lactose ou para famílias que optam por uma alimentação vegetariana. Estas fórmulas são feitas à base de proteína isolada de soja, isentas de lactose e  sacarose. Geralmente contém mais vitaminas e minerais e são suplementadas com aminoácidos. 

Siga sempre a orientação do pediatra e/ou nutricionista.

                    
(Clique e faça parte das redes sociais do Gemelares.com.br)

Postado por: Dr.ª Nathália Porto
E-mail: nathaliacalmon.smartclinica@gmail.com
Casada, mãe dos gêmeos Lucas e Miguel.
Nutricionista - CRN: 11100401
Categorias: ,
Comentrios
0 Comentrios

0 comentrios:


Postar um comentário

Obrigada pela visita em breve retribuirei!

Blogroll - Mães Blogueiras

Inscreva-se:  

Decoração

Receitas

Vida de Mãe

 
Pin It button on image hover