Caixa de busca

Últimas matérias

Mãe de Quíntuplas, Sidneia Daufemback conta a sua História

s 11:00

No exame apareceu da seguinte forma: 3 bolinhas do mesmo tamanho ou seja (fetos) e 2 bolinhas(fetos) menores bem embaixo, o médico disse: "3 bebês confirmo que tem, mas cinco não sei".


Sou a Sidnéia, tenho 33 anos, mãe de quintuplas!!! São 5 lindas meninas Gemelares. Sempre tive o sonho de ser mãe, casada a 5 anos e como todo casal, almejamos ter filhos. Tive a minha primeira gravidez em 2007, e em 12-02 2008 nasceu um lindo menino com o nome de Vitor, era lindo, saudável, mas infelizmente 2 dias depois veio a falecer. Nossa, foi horrível! Minha vida parou ali naquele momento que recebi a notícia, enfim nunca vou esquecê-lo e rezo sempre por ele, e sei que ele está presente, é o nosso anjo.

Depois de muitas orações e pedidos, deixamos nas mãos de Deus. Em fevereiro de 2010 desconfiei que estava grávida, fiz um exame de sangue, deu positivo, nossa ficamos muito radiantes, marquei uma ultrassonografia com um mês de gestação. No exame apareceu da seguinte forma: 3 bolinhas do mesmo tamanho ou seja (fetos) e 2 bolinhas(fetos) menores bem embaixo, o médico disse: "3 bebês confirmo que tem, mas cinco não sei".



Foi aquele baita susto, ai disse: "Seu doutor o senhor está maluco, 5 bebês". Passou mais um mês, e com dois meses de gravidez fiz uma nova ultrassonografia e ai sim! Tinha cinco bolinhas (fetos) do mesmo tamanho, nossa na hora eu fiquei parada e falei: "Não acredito". O médico então disse que era um fenômeno raríssimo, e me aconselhou a procurar outro médico especialista em gestação múltipla, porque era um caso tão raro. Muita coisa para digerir em um só momento. Vim para casa, contei a novidade para Anderson, que ficou paralisado na mesa, ele estava almoçando, depois de uns cinco minutos, começou a perguntar alguma  coisa, e ver os exames. 






Então tudo começou, procuramos o médico mais experiente na área de múltiplos em  outra cidade, e começou a realização de exames, acompanhamentos, consultas e mais consultas. Tive muitos enjoos, tudo que comia ou bebia, vomitava, não conseguia segurar nada no estômago, e por isso acabei indo parar no hospital por desnutrição e desidratação, por 10 dias só no soro. Perdi 12 quilos neste período, no hospital ninguém acreditava que naquela barriguinha tinham cinco bebês. Voltei a comer uma sopa horrível aos poucos. Vim para casa com muita orientação dos médicos: repouso, alimentação adequada (ferro,frutas ,vitaminas....), somente a partir dos 4º mês e meio tudo  começou a melhorar. Lembro-me exatamente no dia das mães, em 2010, comecei a me alimentar normalmente.



A partir do 5º mês descobrimos o sexo dos bebês, eram todas meninas, nossa! Inacreditável, pedi ao médico para conferir, e lá fomos nós confirmar tudo. Então o médico também disse que se eu continuasse com os repousos e cuidados, todos os bebês nasceriam. Voltamos para casa, guardamos segredo, somente minha mãe e minha irmã sabiam que eram cinco bebês e todas meninas. Quando contei a novidade da gravidez para familiares e amigos falei que eram três bebês, até que se confirmasse tudo, pois como o médico nos explicou, era um caso raríssimo de alto risco e a partir do 4º ou 5º mês poderíamos ter as confirmações. Como meu aniversário estava próximo resolvi fazer um chá de bebê convidar amigos e familiares para contar a grande novidade, até porque eu nunca iria esconder este fato de ninguém. Pedi os presentes, muitas fraldas, roupas, mamadeiras, utensílios para bebês em geral. Depois do parabéns, anunciei a grande notícia, que eu estava grávida de cinco bebes e que eram todas meninas, os convidados se emocionaram muito, riam e choravam ao mesmo tempo. No dia seguinte a notícia se espalhou pela cidade, jornais, tv, revistas, telefonemas.






Tivemos que nos preparar também para receber os bebês em casa, como a casa é pequena, começamos as obras, ampliamos um quarto só para as meninas, e aos poucos fomos preparando tudo. Ganhamos alguns móveis, afinal tivemos que preparar tudo para cinco bebês.


Passaram os meses, a gravidez indo tudo bem,  as meninas cada vez maiores, a barriga cada vez maior e mais pesada, dormia praticamente sentada com vários travesseiros para apoiar a barriga, todas as madrugadas levantava, ia comer, senão elas não paravam de mexer. Era café, pão, as vezes sanduíche, ou pote de iogurte, suco de limão azedo, tomava o dia todo, não podia passar sem, desejos muito loucos. Mas ao total engordei 7 kg.

Os exames de ultrassom eram feitos quinzenalmente ou conforme a necessidade, até o grande dia do parto. Como morávamos a 200km da capital, onde eu fazia o pré-natal e onde elas iriam nascer, fiquei hospedada na casa de parentes 20 dias antes do provável nascimento das meninas. Fizemos  uma ultrassonografia e marcamos a cesária para o dia 20 de agosto de 2010. Lá estavam uma equipe de 28 profissionais de todas as especialidades preparados para qualquer eventualidade. Ficamos muito bem amparados. Aproximando-se do grande momento até que eu estava calma, porém, meus familiares estavam muito tensos.

E começou os trabalhos: as 10:45 nasceu a EVELIN, as 10:46 ISADORA, as 10:49 POLIANA, as 10:52 SAMANTA, e as 10:53 VITÓRIA, pesaram entre 1.050 e 1.280 kg, ocorreu tudo bem, passamos todas bem, não precisaram  de nenhum tipo de cuidado especial, foram acolhidas em emcubadoras para os devidos cuidados de bebês prematuros, foram os momentos mais emocionantes da minha vida. Permanecemos no hospital durante 41 dias, onde fiquei com elas o tempo todo, acompanhei tudo de perto. Saíram das encubadoras com 35 dias, foram para os berços. Fiquei acompanhando tudo, o hospital me concedeu um quarto para ficar  durante este período, afinal eu precisava amamentar e estar por perto para cuidar, aprender, dar carinho, que é muito importante neste período de recuperação dos prematuros, e dar todo o apoio necessário. Aprendi muita coisa e sempre fiz questão de participar de tudo. Depois de 41 dias viemos para nosso lar. E aí, como cuidar de tudo? Aos poucos fomos nos organizando com a nossa rotina, porém muito difícil. Foram muitas noites em claro, muitos dias difíceis, muitas e muitas fases, nossa hoje quando paro para pensar parece que não foi assim. Amamentei as cinco meninas durante três meses, cada uma tinha seus minutinhos e depois o complemento de leite.


Durante estes dois anos, muitas coisas aconteceram. Passei por muitas dificuldades e pedras no caminho, mas nunca desanimei. Ainda antes de eu engravidar, Anderson com quem eu era casada enfrentava muitos problemas com alcoolismo, quando as meninas tinham 9 meses ele buscou tratamento mas não conseguiu se livrar, acabou se endividando em bancos, empréstimos e tudo mais. Precisei vender uma casa e um carro para se livrar das dívidas que ele deixou. Já que pouco ele contribuía com os cuidados com as filhas e com a casa, decidi me separar. Foram momentos difíceis, mas sempre tive o apoio dos meus familiares (pais,irmãos...), mas superei tudo.

Hoje as meninas estão com 2 aninhos, estão cada dia mais lindas, maravilhosas, e amadas, procuro dar carinho, atenção igual para todas, são a razão do meu viver, do meu lutar, do meu resistir, tudo o que faço, penso, é para elas.


Agradeço muito A DEUS por ter me dado cinco filhas lindas e saudáveis, por está grande dádiva. Sou uma super mãe e Pai ao mesmo tempo, sou dona de casa. Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor ,a dor e a satisfação de ser uma mãe, hoje eu sei. Eu não sabia que era capaz de ter sentimentos tão fortes. 

POR TUDO OBRIGADO DEUS, POR EU SER AGORA ALGUÉM TÃO FORTE E TÃO FRÁGIL AO MESMO TEMPO .
MUITO OBRIGADO MEU DEUS POR PERMITIR-ME SER MÃE DESTAS CINCO LINDAS MENINAS

EVELIN,ISADORA,POLIANA,SAMANTA,VITÓRIA.

Sidnéia, seja sempre bem vinda ao Portal Gemelares!

    
Facebook - Twitter - Instagram - Pinterest - Youtube
(Clique e faça parte das redes sociais do Gemelares.com.br)

Beijos da Jú,
Autora do Gemelares.com.br!


Gostou? Compartilhe!
Comentrios
16 Comentrios

16 COMENTÁRIOS:

  1. Incrível! impressionante! De arrepiar! Miagre da vida! Parabéns a esta mãe, a família, às 5 meninas! Que coisinhas mais amadas!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Que fofura as suas meninas. Deus realmente sabe de todas as coisas. Te deu 5 anjos para alegrar o seu lar. Aja fralda em amiga rsrsrs.
    Bju

    ResponderExcluir
  3. Impressionada com essa história!!
    Deus abençoe sempre!!!
    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Nooosssaaaa sem palavras!!!! Parabéns pelas meninas, pela garra e disposição!! Uma coisa é certa Vc é uma pessoa ABENÇOADA por Deus. bjo

    ResponderExcluir
  5. Noossaaaa Parabéns!!!! parabéns pelas lindas meninas, pela garra, disposiçao... Vc foi escolhida. É Abençoada. me emocionei pois vejo q nao é facil com gemeos e contando com marido imgina seu caso. Parabens mesmo. sou uma admiradora sua. bjo

    ResponderExcluir
  6. Me emocionei ao ler essa linda história..parabéns.. Sou mãe de gemêos também me separei uma separação dolorosa pois os bbs ja com quase tres anos e um amor enorme pelo pai e derrepente nos mudamos para outra cidade e não temos contato eles perguntam pelo pai e me doi o coração...

    ResponderExcluir
  7. Nossa lindo demais!!! Me emocionei de verdade!!!bbjsss

    ResponderExcluir
  8. Estou emocionada, minhas lágrimas correm de saber que com tantas dificuldades vc não se abateu e mantém esta linda família parabéns e que Deus te dê muita saude para manter a familia cada vez mais feliz!!!

    ResponderExcluir
  9. Meu Deus! Que história mais linda....Parabéns pelas linfas filhas! Ssude e felicidades pars todas voces!

    ResponderExcluir
  10. Que demais!!! Que história mais linda, me emocionei aqui... 5 lindas meninas. Parabéns! Você foi abençoada 5 vezes por Deus... ;)
    Beijos
    Débora

    ResponderExcluir
  11. Caramba imagino como ficou quando recebeu a notícia, linda história, que bom que no final deu tudo certo... Elas são lindas... Bjs
    Vivi e Isaac

    ResponderExcluir
  12. Um susto grande ou uma surpresa maravilhosa? Basta saber enxergar.... Parabéns! Bjus Andrea e Lara coisas-da-lara.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Fofuras difícil saber qual é a mais engraçadinha.
    Todas lindas.

    ResponderExcluir
  14. Oie, minha amiga vim visitar e seguindo *.*
    Nossa, como estou emocionada em ler esse post, depoimento!
    Que Deus continue abençoando essa linda família!
    Confesso, que não tenho filhos, na verdade nem sou casada, o que não quer dizer nada nos dias de hoje...
    Contudo, tenho 14 sobrinhos o mais velho só tem 16 anos e os outros pequenos *.*


    Beliscões carinhosos da Máh :)
    Cantinho da Máh
    @Maaria_Silvana

    ResponderExcluir
  15. Essa sim, é uma guerreira, forte e mãe exemplar. Parabéns

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita em breve retribuirei!

Blogroll - Mães Blogueiras

Inscreva-se:  

Decoração

Receitas

Vida de Mãe

 
Pin It button on image hover