Caixa de busca

Últimas matérias

10 Passos para uma alimentação saudável

s 02:40

Novidade - Mamães apresento a vocês a Drª. Juliana Ayres Oliveira , a mais nova colunista da coluna Fala Dr. Ela chega ao Portal para agregar conhecimento, junto a equipe médica do Gemelares, assim as dúvidas das mamães na área de Nutrição, serão esclarecidas. Ela é mãe de Gemelares, e tem uma família linda! 

Seja bem vinda Drª. Juliana Ayres Oliveira




Muitas são as dúvidas na introdução dos alimentos, eu mesma quando iniciei com os gêmeos aqui em casa procurei ler algo para que não fizesse nada errado. A primeira grande dúvida, é:  Qual idade deve-se iniciar a alimentação do bebê? - Segundo, o ministério da saúde preconiza-se o aleitamento materno exclusivo no mínimo até 6 meses de idade e a partir dessa idade já podemos iniciar com alimentos sólidos em forma de papa.

          Passo 1 -  Para obter uma alimentação saudável  dar somente leite materno até os 6 meses sem oferecer água, chás ou qualquer outro alimento.

          Passo 2 -  A partir dos 6 meses de idade, introduzir de forma gradual e lentamente outros alimentos, mantendo o leite materno até os dois anos ou mais. Nessa idade o bebê já esta pronto, pois já tem sua maturidade fisiológica e neurológica. Recebendo os novos alimentos é necessário oferecer a água nos intervalos. No inicio irá ser difícil, tudo para o bebê é novo, o gosto, a colher, a consistência, então vamos ter muita paciência e oferecer uma fruta de cada vez bem amassadinha com o garfo e observar qual será o resultado se não haverá nenhuma anormalidade na digestão.

Esquema alimentar do bebe deve ser feito dessa maneira:

Idade
Tipo de alimento
Até completar 6 meses
Aleitamento materno exclusivo
Ao completar 6 meses
Leite materno, papa de fruta, papa salgada
Ao completar 7 meses
Segunda papa salgada
Ao completar 8 meses
Gradativamente passar para a alimentação da família
Ao completar 12 meses
Comida da família

Lembrando que a expressão “papa” refere-se à consistência raspada ou amassada com o garfo!


      Passo 3 -  Dar os alimentos complementares 3 vezes ao dia, se a criança estiver recebendo leite materno, sendo eles: cereais, tubérculos, carnes, leguminosas, frutas e legumes.


Passo 4 - A alimentação complementar deve ser oferecida de acordo com os horários de refeição da família, em intervalos regulares e de forma a respeitar o apetite da criança.

Passo 5 - A alimentação complementar deve ser espessa desde o início e oferecida de colher; iniciar com a consistência pastosa (papas/purês) e, gradativamente, aumentar a consistência até chegar à alimentação da família.

Passo 6 - Oferecer à criança diferentes alimentos ao dia. Uma alimentação variada é uma alimentação colorida.

Passo 7 - Estimular o consumo diário de frutas, verduras e legumes nas refeições.

Passo 8 - Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinho e outras guloseimas, nos primeiros anos de vida. Usar sal com moderação.

          Passo 9 - Cuidar da higiene no preparo e manuseio dos alimentos; garantir o seu armazenamento e conservação adequados.

Passo 10 - Estimular a criança doente e convalescente a se alimentar, oferecendo sua alimentação habitual e seus alimentos preferidos, respeitando a sua aceitação.

Outra dúvida que toda mãe tem é como oferecer a criança uma refeição saudável. Bom, é bem simples, sempre pensar no prato colorido com legumes bem cozidos, uma fonte protéica que seria a carne bovina, frango, peixe ou o ovo, uma fonte de carboidrato arroz ou macarrão, um dos alimentos do grupo dos grãos que seria feijão, lentilha, soja, ervilha seca ou grão de bico. Desse modo a refeição será equilibrada e rica em todos os nutrientes. Nunca oferecer sucos ou refrigerantes junto com os alimentos, oferecer o suco natural da frutas somente nos intervalos das refeições.Sempre dar frutas e legumes da época que são mais frescos e com o preço acessível.

Procurar na hora da refeição proporcionar a criança um ambiente tranqüilo, sempre na mesa da família, evitar dar os alimentos na frente da televisão, pois isso faz com que a atenção dela não seja para os alimentos.

Exemplo de cardápio do dia dos gêmeos Gustavo e Bia:

Café da manhã:
Mamadeira 250 ml
Pãozinho

Lanche da manhã:
Frutas raspadinhas e amassadas com garfo

Almoço:
Arroz
Feijão
Carne moída refogada com abobrinha
Tudo amassadinho com o garfo e com consistência mais molinha.


            Lanche da tarde:
Mamadeira com frutas pode ser mamão, banana, abacate, maçã ou pêra sempre combinando duas frutas que não soltem ou prendam o intestino.




Jantar:
Frango cozido e desfiado
Mandioquinha e inhame
Cenoura
Chuchu


 Dica: primeiro cozinhar o frango e depois aproveitar o caldo e colocar os demais legumes para cozinhar com pouca água para aproveitar os nutrientes sem nenhuma perda. Tempero: pouco sal, pouca cebola bem picada, alho bem pouco e salsinha.
·         Nos intervalos é oferecida a água!
·         Sempre procurar realizar as refeições de 3 em 3 horas respeitando a vontade e a fome da criança.

Antes de dormir:
Mamadeira.

Bibliografia: Dez passos de uma alimentação saudável Ministério da Saúde http://189.28.128.100/nutricao/docs/geral/enpacs_10passos.pdf


Gostaram?


Postado por: Juliana Ayres de Oliveira
E-mail: Juliana.Ayres.oliveira@gmail.com
Casada, mãe dos gêmeos Beatriz e Gustavo, com 1 ano e 2 meses.
Nutricionista formada na Universidade Paulista- Unip Crn: 31648-P.

Categorias:
Comentrios
0 Comentrios

0 comentrios:


Postar um comentário

Obrigada pela visita em breve retribuirei!

Blogroll - Mães Blogueiras

Inscreva-se:  

Decoração

Receitas

Vida de Mãe

 
Pin It button on image hover