Caixa de busca

Últimas matérias

Teste do Olhinho

s 15:17

Novidade - Mamães apresento a vocês o Dr. Rogerio Toniolo, o mais novo colunista da coluna Fala Dr. Ele chega ao Portal para agregar conhecimento, junto a equipe médica do Gemelares, assim as dúvidas das mamães na área oftalmológica serão esclarecidas. Ele é pai de Gemelares, e tem uma família linda! 

Seja bem vindo Dr. Rogerio Toniolo:




 “Como pai de prematuros e tendo este site como público alvo para mães e pais de Gemelares, eu não poderia deixar de passar algum conhecimento na área. A final também sou pai de trigêmeos. A prematuridade pode ser um fator de risco para uma doença ocular grave que caso não seja diagnosticada pode levar a cegueira, por isso escolhi como tema inicial, falar sobre o teste do olhinho"

O que é o Teste do Olhinho?

O Teste do Olhinho é um exame simples, rápido e indolorque é feito no bebê geralmente nas primeiras horas de vida, no centro obstétrico ou na maternidade. Caso o exame não seja realizado no hospital, os pais devem procurar um oftalmologista para realizar o exame.

O exame pode detectar precocemente doenças como tumores (retinoblastoma), catarata congênita, glaucoma congênito, retinopatia da prematuridade, hemorragias oculares, inflamações/infecções, malformações e até mesmo cegueira. Além de infecções transmitidas pela mãe (toxoplasmose, rubéola, herpes, sífilis) e traumas de parto.

Em 2012, os números de crianças deficientes visuais ainda são elevados, estimando que estejam, em todo o mundo, em torno de 2,5 milhões de crianças. Estima-se que 80% dos casos de deficiência visual congênita possam ser evitados com o “Teste do Olhinho”.

A principal doença que se busca no teste do olhinho é a catarata congênita e esta é mais prevalente em gestantes que tiveram rubéola durante a gestação, mas existe a catarata congênita por herança genética – familiar.

Como é feito o Teste do Olhinho?

Para o Teste do Olhinho é usada uma fonte de luz, por meio de um oftalmoscópio, para se observar o reflexo que vem das pupilas do bebê – reflexo vermelho. O teste deve ser feito em ambas as pupilas simultaneamente para a comparação dos reflexos.Caso seja detectada alguma alteração, a família deve ser comunicada, e o bebê, encaminhado ao oftalmologista para tratamento.

A exemplo do "Teste do Pezinho", feito em recém-nascidos para diagnosticar doenças graves como hipotiroidismo congênito e fenilcetonúria, o "Teste do Olhinho" já é preconizado para ser realizado, rotineiramente em todos os recém-nascidos.

Prematuridade e o Teste do Olhinho.

Esse exame é obrigatório para os bebês prematuros, sendo que os prematuros com maior risco são os com peso abaixo de 1,5kg, medindo menos de 36 cm e que tenham recebido oxigênio por tempo prolongado e também nas crianças nascidas com idade gestacional abaixo de 32 semanas. Estes são os que apresentam maior chance de desenvolver a Retinopatia da Prematuridade, doença que pode levar ao descolamento de retina e a cegueira.

Recomendo que todos os prematuros sejam levados ao oftalmologista, mesmo que o pediatra tenha visto e afirmado que a criança esta normal. “Os equipamentos especializados e o conhecimento de um especialista em olhos faz com que ele veja coisas que um pediatra normalmente não vê”.

Gostaram?

Dúvidas? Deixem nos comentários!


Postado por: Dr. Rogerio Toniolo 
E-mail: rogeriotoniolo@terra.com.br
Casado, pai dos trigêmeos Carlo, Carolina e Isabelli com 7 anos
Oftalmologista - CRMMT 6150, formado na Universidade Federal de Rio Grande - RS 
e Especialização em Oftalmologia em Campinas - SP


Gostou? Compartilhe!
Categorias:
Comentrios
0 Comentrios

0 comentrios:


Postar um comentário

Obrigada pela visita em breve retribuirei!

Blogroll - Mães Blogueiras

Inscreva-se:  

Decoração

Receitas

Vida de Mãe

 
Pin It button on image hover