Caixa de busca

Últimas matérias

Família Gemelares da Semana - Por Camila Sabino

s 09:47

"...Sou uma em um milhão, fui a escolhida por Deus para gerar dois bebês e se ele me deu essa graça é porque sou capaz, e sou sim!.."



Meu sonho de ser mãe era um sonho distante, não imaginava ele tão próximo assim! A verdade é que eu sentia algo inexplicável quando alguém me perguntava sobre ter filhos, pois tinha tudo programado: me casaria, curtiria meu casamento, faria minha faculdade, cresceria na minha profissão e só depois pensaria em ter filhos. Mas pra que isso? Minha mãe trabalhava fora, e tornei as responsabilidades da casa muito nova, tinha 14 anos e meus irmãos, 10, 5 e 3, eu cuidava dos 3 e da casa, então não queria nem ouvir falar em filhos, dizia sempre que já tinha, rs.

Comecei a namorar, me casei em 2009 com 18 anos, e fui fazendo tudo como estava planejado, curtir meu casamento, comecei a trabalhar, iniciei a minha faculdade, mas aí o desejo de ser mãe começou a se tornar forte, mas ainda tinha medo. Porém quando via alguém grávida, ficava com aquela invejinha boa sabe?! Queria ter um filho também, então me imaginava grávida e tantas coisas boas, parava de tomar anticoncepcional, depois lembrava dos meus planos e desistia, mas o remédio era injetável, meu ciclo vivia atrasado, e a cada atraso eu ficava cheia de esperanças, feliz da vida, achando que estava grávida, e depois a menstruação vinha e ficava arrasada.

Até que no mês de agosto de 2010 realmente o ciclo atrasou por dois meses, e me via o dia inteiro na internet pesquisando sobre bebes, gravidez, sintomas e tudo mais, não pensava em outra coisa a não ser engravidar, então fui ao Ginecologista e a Drª. me encheu de esperanças, me disse que eu poderia engravidar sim, mesmo tomando anticoncepcional (ela era louca e eu também em acreditar nela) e me pediu uma ultrassonografia transvaginal, pois se eu não estivesse grávida, já descartaríamos a possibilidade de ter cistos e miomas.


Ao realizar o exame, fiquei arrasada pois não estava grávida, mas ao mesmo tempo feliz por não ter nenhum problema. A partir daí tomamos nossas decisões, pararíamos com o preservativo e tentaríamos ter nosso bebê. E a faculdade? Decidi que não pararia de estudar, e que seria melhor pra mim ter um bebê naquele momento, do que depois do término dos estudos, pois ao termina-lo, aí sim estaria na hora de me firmar na profissão. EM outubro de 2010 começamos a tentar, e para nossa surpresa em fevereiro descobrimos nosso POSITIVO!



Naquele momento mergulhei de cabeça no meu sonho abri mão de muitas coisas, e o melhor, Deus abriu minha mente para tudo que seria necessário a partir do momento em que eu fiquei grávida:

  • Percebi que seria melhor ter filhos antes de me formar, pois teria tempo para cuidar deles e quando estivesse na hora de ingressar na profissão, eles já estariam na escolinha.
  • Decidi sair do meu emprego quando soube que estava grávida, fui criticada por isso, afinal era o emprega na minha área que tinha custado para conseguir, mas senti aquele instinto de sair e saí.
E qual foi a surpresa logo depois? Estava grávida de gêmeos, chorei de tanta felicidade quando soube, pois sempre tive dentro de mim aquela vontade de ter gêmeos, e como consequência eu precisaria de mais tempo para cuidar deles, e na gravidez precisaria de repouso e não daria para trabalhar mesmo.


Deus me deu as melhores coisas que eu poderia ter na vida, minha família, meu marido, e agora meus filhos, não me arrependendo de nada! Do emprego que deixe, da minha vida a dois que não seria mais a mesma, e agora sei que a realidade que vivo é muito melhor do que tudo que planejei. Descobri que antes eu estava cansada, pois cuidar dos filhos dos outros cansa, e sobre o medo, descobri que era do que eu não conhecia, medo de ficar gorda, enjoada, acordar cedo e tudo mais. Depois que passou esses medos e foi chegando outros:, como de não saber cuidar dos gêmeos, de não ser uma boa mãe e etc, mas logo passa.

Hoje sou feliz, me tornei mãe com 20 anos, nova? Quem sabe! Mas sei que é a hora que Deus quis!  Os bebês nasceram com 37 semanas e 3 dias de gestação, foi uma grande vitória para nós, visto que ninguém pensava que chegaríamos tão longe na gestação. Nasceram e foram para o quarto comigo e desde lá não desgrudamos mais. Meus filhos estão com 9 meses, lindos e continuo estudando.


O dia a dia nem sempre é fácil, matamos um leão por dia, mas é grandemente recompensador, cada sorriso, cada descoberta deles, vale por todo esforço. Cuidar de dois filhos é cansativo, ainda mais pra mim que faço isso sozinha, as vezes nos desgastamos bastante, mas nessas hora penso que sou uma em um milhão, fui a escolhida por Deus para gerar dois bebês e se ele me deu essa graça é porque sou capaz, e sou sim!

Planejar a ordem que as coisas acontecem na vida é bobagem. 
tudo acontece no tempo certo e do jeito que deve ser.


Blog: http://nossasvidaaascomosgemeos.blogspot.com.br


Camila, seja sempre bem vinda ao Portal Gemelares!



Gostou do 21º relato da Família Gemelares da Semana? 
Conheça quais foram as famílias que já passaram por essa coluna, clicando aqui ! 

Você quer ver a sua família no Gemelares, clique aqui e saiba como!


Não esqueça de curtir essa linda história, 
muitas mães precisam ler relatos assim!



Comentrios
0 Comentrios

0 comentrios:


Postar um comentário

Obrigada pela visita em breve retribuirei!

Blogroll - Mães Blogueiras

Inscreva-se:  

Decoração

Receitas

Vida de Mãe

 
Pin It button on image hover